Clique na foto para expandir

QUESTÕES 21 a 30

Clique nas fotos para expandir

021 É possível prever ações desarmônicas?

 

As ações desarmônicas, ou seja, que contrariam a harmonia energética, podem ser previstas por pessoas dotadas deste poder mediúnico. São pessoas que ao serem apresentadas a alguém, intuem que se trata de alguém de quem se pode esperar por ações prejudiciais. A intuição é um dom, fácil de ser entendido como sendo uma percepção extra-sensorial que pode ser de grande utilidade nas relações humanas.

 
Cem Palavras Espirituais

022 A reza faz algum efeito prático?

 

A reza é uma mentalização e, como tal, tem grande poder, pois gera uma energia aplicada com determinado propósito. A reza coletiva permite a multiplicação deste poder. Evidentemente a reza repetitiva, mecânica e desconcentrada, não tem nenhum poder. A reza para ter efeito deve ter um objetivo energético harmônico, pois qualquer outro não faz nenhum efeito.

 
Cem Palavras Espirituais

023 Tem justificativa o chamado “poder das mãos”?

 

O Passe Espírita é um excelente exemplo do poder das mãos, exercido pela passagem de energia de uma pessoa para outra. Não há nada de místico nisso, sendo a comprovação da possibilidade de se utilizar adequadamente a energia harmônica. Ainda que esse poder seja melhor exercido por pessoas treinadas com este propósito, ele é inerente a todos que se proponham a repassar energia para quem necessite e esteja predisposto a receber. 

 
Cem Palavras Espirituais

024 Quanto tempo um espírito leva para poder se comunicar?

 

Quando sentimos saudade de alguém estamos emitindo energia instantânea, esteja este alguém ainda encarnado, ou desencarnado. A emissão para um desencarnado pode ter retorno, o que depende de condições especiais relacionadas à mediunidade. Independe de mediunidade, entretanto, a comunicação resultante da afinidade espiritual entre pessoas, pois trata-se do mesmo espírito, encarnado em substratos físicos diferentes, o que é muito comum entre familiares. Na maior parte das vezes a morte de alguém é simplesmente um encerramento de vivência que segue em outro familiar.

 
Cem Palavras Espirituais
 

026 Como se explica a cura milagrosa?

 

A cura dita milagrosa é o resultado de uma mentalização do curado, associada ao recebimento de energia, transferida do universo energético. Para que o processo se realize a pessoa deve desejar a cura e acreditar na possibilidade de sua efetivação através do procedimento que ela mesma entenda como indicado. Este procedimento geralmente envolve ações em locais reconhecidos como predisponentes à cura, muitas vezes associados com agente reconhecido como capaz de favorecer à transferência energética. O que deve ser evitado são ações envolvendo charlatanismo e curandeirismo.

Cem Palavras Espirituais
 

027 Somos um espírito individualizado?

Até o materialista mais assumido não irá negar que sejamos individualizados, pois essa certeza dele é individualizada. Sendo individualizados, isso significa que somos uma parte de um todo, se assim não fosse, não seríamos individualizados, mas sim o próprio todo. Já que existe o todo e somos parte dele, está hoje sobejamente provado pela ciência que "o todo contém a parte, assim como ela contém o todo". O que já sabemos nos assegura que somos algo mais do que um sistema biológico acionado por reações físico-químicas e que se extingue quando para de funcionar.

Cem Palavras Espirituais

025 O que é desdobramento espiritual?

 

O chamado desdobramento espiritual é o acesso do espírito, geralmente durante o sono, a outras vivências que pertencem ao universo harmônico. A importância deste processo reside no fato do espírito abandonar o substrato físico e ambos continuarem funcionando normalmente. Como as comunicações feitas pelo espírito são por mentalização é previsível que se consiga dominar esta tecnologia e equipamentos eletrônicos sejam desenvolvidos para viabilizar a comunicação mental que, então, permitirá também a comunicação espiritual.

 
Cem Palavras Espirituais

028 Somente os seres humanos tem espírito?

 

Estaríamos negando o processo evolutivo, caso aceitássemos que somente seres humanos possuíssem alma ou espírito. Seria negar, também, a evidência do comportamento afetivo dos demais seres. O que existe é uma diferença significativa de capacidade cerebral, e que tanto beneficia as relações sociais, como deteriora este relacionamento humano, pelo uso inadequado da inteligência. Pesquisas recentes, com implantação de células cerebrais humanas em ratos, tem comprovado algo que é logico. O que existe, entretanto, é uma superioridade evidente da capacidade sensorial de alguns seres vivos, em comparação com a nossa.

 
Cem Palavras Espirituais

029 Qual a lição mais importante ensinada pela natureza?

 

Toda experiência vivida próxima a natureza nos permite ser nós mesmos, sem as distorções que o ser humano criou pelo mau uso de sua inteligência. Os animais, os vegetais e, segundo alguns cientistas, até mesmo os minerais, nos dão exemplo sobre o valor da vida. Essa mesma vida que os seres humanos desperdiçam, tratando mal o substrato físico que a acolheu. A natureza nos ensina a lógica de manutenção e aproveitamento da vida, sem o desperdício de gastá-la acumulando valores irrelevantes.

 
Cem Palavras Espirituais

030 Que é Felicidade?

 

Felicidade é um sentimento de satisfação por sua própria vida. Por ser um sentimento baseado em valores pessoais, um criminoso pode estar feliz ao praticar seus crimes, e uma pessoa que age bem, pode estar feliz por agir assim. Ninguém “é” feliz, mas sim “está” feliz. 

 

 

 
Cem Palavras Espirituais

Uma visão holística da vida

Por Carlos Reinaldo Mendes Ribeiro